07/12/2022 às 16h27min - Atualizada em 07/12/2022 às 16h27min

Mais de 24t de alimentos são distribuídos pela Sefaz para instituições cadastradas na NFC

Ação aconteceu nesta terça-feira (6), no Bloco Administrativo Sílvio Carlos Viana, em Jacarecica

Alagoas Atenta com Governo de Alagoas
Operação da Sefaz apreendeu toneladas de alimentos perecíveis e não perecíveis em empresas do ramo atacadista

A Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL) entregou, nesta terça-feira (6), mais de 24 toneladas de alimentos para cerca de 40 instituições sociais cadastradas na campanha Nota Fiscal Cidadã (NFC). A ação aconteceu no Bloco Administrativo Sílvio Carlos Viana, em Jacarecica. A iniciativa se deu a partir da Operação Beco Diagonal, realizada nesta madrugada pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Sonegação Fiscal (Gaesf).

A operação apreendeu, em empresas do ramo atacadista, toneladas de alimentos perecíveis e não perecíveis, sendo várias caixas de frango e de charque. A chefe de Educação Fiscal da Sefaz-AL, Juliane Calheiros, explica que a seleção das instituições se deu logisticamente pelo critério de distribuição de refeições em seus trabalhos sociais.

 

“Decidimos escolher as instituições que distribuem comidas prontas, principalmente na região de Maceió, uma vez que os alimentos entregues são perecíveis e congelados. Tivemos também pouco tempo para fazer essa distribuição, então acabamos por comunicar as instituições da capital para que viessem receber o material”, conta a chefe de Educação Fiscal.

 

Dentre as instituições agraciadas, apenas uma possui sede no interior do estado. É a Associação Madre Esperança, de Joaquim Gomes. A presidente da entidade, Michele Mola, conta da alegria em receber os alimentos.

“A nossa instituição atende 450 crianças e adolescentes a cada dia. Então, são muitas pessoas para alimentar. É muito trabalho. Uma doação assim é preciosíssima e nos ajuda muitíssimo. Hoje (ontem), eu estava em Maceió para comprar frangos até que recebi a ligação da Juliane. Muito obrigado Sefaz, por todo o trabalho e por toda a disponibilidade de sempre”, agradeceu Michele Mola.

 

Já a coordenadora do Instituto Estrela de Jesus Recanto da Fé, Nailza Vitor, não conteve a alegria em falar do momento em que recebeu o convite para participar da entrega dos alimentos.

 

“Quando ela ligou foi uma alegria enorme, porque já estávamos para comprar os frangos para realizar os nossos trabalhos. Nós servimos refeições todo final de semana e, também, já estamos organizando a nossa ceia de Natal. Então, para a gente foi uma surpresa sem igual e uma grande alegria”, comenta, a presidente do Instituto.

 

Além das instituições sociais, a Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social de Alagoas (Seris-AL) também recebeu caixas de alimentos contendo frangos e charques. De acordo com o secretário Executivo de Gestão Interna da Seris-AL, coronel PM Marcos Henrique do Carmo, os gêneros alimentícios doados serão utilizados na preparação das refeições dos reeducandos das oito unidades prisionais da capital.

 

"Tivemos 30 reeducandos para ajudar na retirada das mercadorias dos estabelecimentos comerciais alvos dessa operação para o local designado pela Sefaz. Temos uma cozinha central onde são preparadas todas as refeições servidas aos reeducandos, sob a coordenação do setor de nutrição da Seris. A doação que recebemos possibilitará uma economia na aquisição de gêneros, melhorando a oferta da refeição servida diariamente", enfatiza o coronel.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
ALAGOAS ATENTA NOTÍCIAS Publicidade 1200x90
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp